Online

There are no users currently online
Agosto 13, 2022

UNEBRASIL

Membros Afiliados

Casas EDL – Pedras e Amuletos (Ka, Hu, Ra, Ptah)

21 min read
Compartilhe a Verdade

Vejam que eles formam os metais, rochas, gases, elementos e etc. Sendo todo o resto, apenas somas e reposicionamentos, novamente como na geometria. Dependendo de seus alinhamentos e de suas interações, criarão padrões ainda mais complexos, como sabemos, e logo veremos o que chamamos de Reino mineral, gerando as bases para a autonomia em nosso tempo e espaço relativos. Suas velocidades determinam se são líquidos, gasosos ou sólidos, podendo todos variar de acordo com o ambiente. Ao perceberem as diferentes sensações e perspectivas dos reinos em ordem e caos entrelaçados ao redor, poderão ir em busca de mais luz; (saber mais, se encontrar, sentir alivio, fugir do escuro) saltarão em movimentos ainda mais complexos, reação após reação, reino após reino, como vimos na geometria, o desenho cresce absorvendo os anteriores e começando de novo, mas maior, com uma nova “tradução” que o mantém fluindo, sem arder no nada. A luz não pode parar, vida é movimento. Assim veremos essas
misturas de minerais tornarem-se mais e mais autônomas em relação às demais.

Dessa maneira, formam reinos que consideramos como “vida”, interagindo com os elementos diante de um interesse
que chamamos de “próprio”, com mais autonomia. A conexão das frequências que capta dos reinos anteriores, já são semelhantes às nossas. Trocam elementos através do que chamamos de respirar, comer, defecar e reproduzir.
Estas micro reações autônomas que se libertam do reino mineral, chamamos células e tecidos, que agora podem formar o Reino Vegetal, onde se misturarão e expandirão.

Colocarão em prática o que absorverem sobre tempo, espaço, luz e escuridão, criando diversas camadas de micro seres cada vez mais autônomos, até que assemelhem-se tanto à nossos padrões de existência, que passemos a chamá-los de insetos, e as posteriores composições do Reino Animal, onde já disputarão seu reinado com o nosso, ou em união, ou conflito. Apenderão tanto sobre nossas perspectivas, até que eles mesmos tornem-se os novos homens com junções genéticas nos reinos Luciferianos.

Cristais

Um cristal é um sólido no qual os constituintes, sejam eles átomos, moléculas ou íons, estão organizados num padrão tridimensional bem definido, que se repete no espaço, formando uma estrutura com uma geometria específica que claramente se conecta com a Geometria Sagrada que apresentamos.

Em química e mineralogia, um cristal é uma forma da matéria na qual as partículas constituintes estão agregadas regularmente, criando uma estrutura cristalina que se manifesta macroscopicamente por assumir a forma externa de um sólido de faces planas regularmente arranjadas, em geral com elevado grau de simetria tridimensional.
Veja que assim como minerais de silício, chamados de Quartzo, organizam-se simetricamente com desenvolvimentos lineares nitidamente inteligentes, também é com os outros minerais na natureza, mas em miniatura, não sendo nítido ao olho.

Tal conexão com a Geometria Sagrada é a razão pelas altas frequências emitidas por estes elementos minerais, e também a razão pela qual adequam-se à tudo, inclusive aos nossos corpos que necessitam destes padrões básicos para sobreviver. (temos de ingerir minerais regularmente). Suas propriedades têm sido usadas há milênios pela ciência e magia. Além daqueles que consumimos, temos as pedras que hoje utilizamos como enfeite, mas que são grandes fontes de energia. Cada cristal possui sua propriedade, que pode ser vista pela sua cor e forma.

Açúcar e sal no microscópio – Reparem que seus ângulos são opostos, mostrando a oposição de suas sensações.

Abaixo, Ametista(possui a vibração Violeta Luciferiana) bruta:

Os minerais refletem o Macro no padrão simétrico do Micro. Estamos cercados por uma só verdade. Não vê quem não quer.

Estruturas atômicas e moleculares. – Repetem a mesma Geometria Sagrada no microcosmo, tal como Astros no macro, pois tais movimentos são a mesma base da perspectiva. “O que está em cima é como o que está embaixo”
Entender a Geometria Sagrada é como conhecer um mapa do todo, que se encontra em tudo e todos. Tornam-se nítidos os objetivos e ações de qualquer expressão cósmica.

{Fonte: Livro Lucifer Onde a Verdade é a Lei – Bob Navarro}

 

Tipos de Cristais – 


Cristais:
Os cristais são fontes energéticas, muito utilizados para meditar, orar, curar, energizando ambientes e materiais, a água, plantas, animais, pessoas. Cada cristal tem um tipo de força ou energia, isso depende muito da sua cor, sabendo ler as cores sabe-se ler qualquer cristal. Um cristal falso estará perto da temperatura corporal humana e um verdadeiro estará mais frio. A forma mais fácil de identificar é ter à mão um cristal verdadeiro e colocar no centro da testa e repetir com o cristal a testar. Se for mais “quente” será falso.


Cristal Gerador

Sua formação consiste em seis lados iguais que se encontram no topo, formando uma ponta. São considerados “cristais bateria” por conter uma grande concentração de energia da terra. Podem ser usados para direcionar energias e intenções.


Cristal Biterminado

É um cristal que tem dupla terminação, ou seja, uma ponta natural em cada uma das extremidades. São ideais para usar no recebimento e envio de energia ao mesmo tempo, criando pontes energéticas entre os cristais ao redor. No trabalho meditativo, auxiliam na canalização de energia e descarregamento da mesma. Expandem a consciência e aterram ao mesmo tempo.


Cristal Isis

Também chamado de Cristal Manifesto, tem em sua formação uma ponta com cinco lados – um Pentágono -, tornando-o um cristal altamente espiritual ligado aos cinco elementos – Fogo, Terra, Ar, Água e Éter. É um cristal ligado ao Sagrado Feminino, ideal para homens e mulheres que desejam se alinhar com seu propósito divino e missão terrena.

Cristal Canalizador

É o cristal perfeito para quem deseja meditar para adquirir algum tipo de conhecimento ou aprendizado da terra ou da própria alma. Em sua formação, ele apresenta sete lados em sua face (heptágono), tornando-o um professor natural e, por isso, recebe também o nome de Cristal Iniciador.

 

Cristal Autocurado

É um cristal fácil de ser identificado; sua formação conta com uma ponta normal e completa e com a outra extremidade não terminada – não é quebrada, apenas não se formou. Assim como o Cristal Canalizador, esse cristal também é considerado um professor natural, nos ensinando a lidar com as imperfeições, com as más experiências da vida, traumas, bloqueios e crenças limitantes.

Cristal Catedral 

A forma do Cristal Catedral é composto de diversas pontas, muito semelhantes, que parecem ter sido encaixadas umas nas outras e todas ligadas a um cristal mãe maior.

 

Cristal Laser

Os cristais laser são uma variante dos cristais de uma só ponta. O seu corpo é alargado e não tem uma forma prismática regular, visto que é mais largo na base e progressivamente, até terminar numa finíssima ponta. Geram um poderoso e penetrante feixe de energia, utilizado especialmente para desbloquear os chakras e realizar processos cirúrgicos.

 

Cristal Gêmeos

São cristais de uma só ponta e de um mesmo mineral que crescem unidos por uma das suas faces. São também denominados “gêmeos tântricos”. No pensamento hindu o “tântra” é a união em harmonia entre a energia do corpo físico e a energia do espírito infinito, e também entre a energia feminina e a energia masculina. Por isso os cristais gêmeos propiciam a união plena entre dois seres distintos e favorece o encontro das almas “gêmeas”.

 

Drusa de Cristal

Além de luminosidade mágica, é o cristal de purificação e energização mais poderoso que existe. É muito recomendado para proteger, purificar e energizar todos os tipos de ambientes. Ela desintegra vibrações negativas, afasta forças sombrias e atrai energias luminosas para o local.

 

Amuletos

Amuletos são uma forma de plasmar o quântico através do binário, ou seja, materializar uma egregora ou intenção, alquimizar e transportar determinada energia para determinado material que condiz vibracionalmente com a magia. Os amuletos mantém em si egregoras que vivem até hoje através de símbolos. Essa forma de comungação com forças superiores está presente em toda a história, cada amuleto e símbolo nos conta a história de muitas culturas.

Amuletos (em latim, meios de defesa): são objetos encontrados na natureza, podem ser mineral, vegetal ou animal, são egregorados de  acordo com a alquimia ou etnia, e tem força condutiva para ser plasmado por algum objeto.

•  Cultura Romana:  Amuletos de cristal eram típicos entre os romanos. Na maioria das vezes, eles eram considerados úteis na melhoria da saúde, atraindo coisas desejáveis e para proporcionar proteção em batalhas.

• Antigos Egípcios: Um dos maiores defensores históricos de cristais de cura, os egípcios enterravam seus mortos com quartzo sobre a testa. Eles acreditavam que isso ajudava a orientar a pessoa de forma segura para a vida futura. Os faraós carregavam cilindros cheios de quartzo para equilibrar as energias do corpo. Na antiguidade egípcia, e de diversos outros Reinos Luciferianos, os amuletos faziam parte do cotidiano tanto de pessoas comuns quanto da realeza.

 

 

Casas EDL – Pedras e Amuletos

“O que está em cima é como o que está embaixo” – Livro Lucifer – Onde a Verdade é a Lei – Bob Navarro 

 

Casa Ka –

Ametista


Pedra:
Ametista / Cristal Biterminado

Cor Violeta: O violeta estimula o aspecto mais espiritualizado é a cor dos sentimentos elevados, das aspirações, do idealismo. Desestimula as explosões de raiva. O violeta transmuta, o violeta é resultado da mudança de vibração, reciclagem, adaptação, evolução. Atua principalmente no sétimo chakra coronário-violeta (cabeça), aspecto captador/transmutador.

Eficiência na saúde: A ametista combate os estados hipertensos ou oprimidos de mente e coração, tendências agressivas e irascíveis, paixão física, fanatismo, inflexibilidade, dispersão, mau humor, mau olhado, pesadelos, insônia, acalma dores de cabeça. Dá poder de regeneração e cicatrização para todas as áreas, promovendo a superação da dor física. Estimula o sistema imunológico, o sistema nervoso, os hemisférios do cérebro, a produção de hormônios, a glândula pituitária, a coordenação física e motora. Auxilia na gravidez e nos partos. Protege contra contágios e poluentes ambientais.

Indicação energética: Transmutação, Criatividade, Consciência, Coragem, Equilíbrio Emocional, Imaginação, Sabedoria.


Pimenta

Amuleto: Pimenta

Cor Vermelha: A cor vermelha é poder de magia externa, provoca pulsos de irritabilidade, coragem, extremismo, impaciência, energia vital. A cor vermelha representa o caos. É a onda menos acelerada, que mais “queima” na escuridão. Essa cor se estabiliza no violeta (vermelho + azul) em tempos Luciferianos.

Eficiência na saúde: Na alimentação além de ser utilizada como tempero e conferir um sabor ardido à comida, a pimenta traz vários benefícios à saúde, pois age como estimulante do fluxo sanguíneo, tônico geral, indutora da produção de serotonina e dopamina, atua como analgésico e anti-inflamatória e tem ação bactericida. A pimenta é um alimento termogênico, ou seja, tem propriedade estimulante, ativando o nosso metabolismo. Este vegetal também pode ser empregado em remédio fitoterápico e caseiro para tratar infecções pulmonares, vermes, dores de estômago, entre outros.

Indicação energética: Proteção, Prosperidade, Sorte, Sensualidade, Sexualidade, Magnetismo, Transformação. 

 

Casa Hu –

Esmeralda

 

Pedra: Esmeralda / Cristal Laser

Cor Verde: Proporciona equilíbrio, atua no quarto chakra laríngeo-verde (sobre a garganta), aspecto comunicativo (relativo azul-lógico). Atrai a prosperidade, poder de cura ou momento de cura própria.

Eficiência na saúde: a Esmeralda fortalece a visão e refresca os olhos, aumenta o apetite, dá brilho à pele, desenvolve a boa forma física, age também nos rins e nos problemas estomacais. Normaliza a pressão arterial, o sistema circulatório, o sistema imunológico e o sistema nervoso. Dizem que não deve ser usada com outras pedras (somente com o diamante, pedra ligada à pureza e perfeição).

Indicação energética: Cura, Abundância, Equilíbrio Emocional, Expressão Pessoal, Habilidade, Harmonia, Maturidade.

 

Trevo

Amuleto: Trevo

Cor Verde: A junção do amarelo serenidade com o azul estabilidade resulta no verde contemplativo. Naturalidade, sensibilidade, sinceridade, agradabilidade, resistência, inerência, cura.

Eficiência na saúde: Muito nutritivos, rico em proteínas e fibras podendo ser incorporado em saladas e vitaminas. Os trevos possuem vitaminas A e C e fitoquímicos que protegem de doenças. Possuem também 4% de proteína e quando tem as folhas verdes, clorofila. Ricos em ácido oxálico, são tóxicos se consumidos em excesso. Pode apresentar cor avermelhada ou roxa também, além de manchas por todas as folhas, o trevo vermelho é reverenciado como um antioxidante. Ele também é muito apreciado por agricultores já que auxilia outras safras ao fixar o nitrogênio no solo. O que é invariável nisso tudo é o sabor: azedo, já que tem uma substância que torna esse sabor muito característico na planta, quase como um limão. Vale ressaltar que todas são comestíveis.

Indicação energética: Amor, Cura, Equilíbrio, Prosperidade, Sorte, Esperança, Fé.

 

Casa Ra –

Cristal

 

Pedra: Cristal Branco / Cristal Gerador

Cor Prata: A síntese de todas as cores, podendo agir em nome de qualquer uma delas. É a unidade da pluralidade. Representa a harmonia entre a luz e forma. No chakra atua nas mãos, aspecto transmissor e sensor das demais. Soma todos os demais aspectos, puxando mais para aquele que a consciência permitir. Esta cor domina a aura da maior parte dos Luciferianos.

Eficiência na saúde: O cristal se harmonizará e reproduzirá, automaticamente, as vibrações de qualquer ser ou objeto, próximo a ele, ou de acordo com a nossa intenção e programação consciente. Dispersa a negatividade no campo energético pessoal ou ambiental. Aumenta a frequência vibratória da aura, liberando-a de acúmulos energéticos e sementes cármicas. Descristaliza congestões e bloqueios para que a energia possa fluir livremente. É usado para todos os fins e todos os males.

Indicação energética: Meditação, Calma, Clareza, Concentração, Consciência, Equilíbrio Emocional, Paz.

 

Ferradura

 

Amuleto: Ferradura

Cor Prata: O prata como a cor da soma de todas as cores gera liderança, poder, equilíbrio, criação.

Eficiência na saúde: O ferro é importante para a saúde porque, além de prevenir a anemia e fornecer proteína muscular funciona também como um combustível para que a hemoglobina, célula do sangue, transporte o oxigênio para todo o corpo. Além de contribuir com o sistema imunológico e no desenvolvimento cognitivo, tem o potencial de dar mais força e energia para o nosso organismo.

Indicação energética: Energia Positiva, Sorte, Fertilidade, Prosperidade, Sobrevivência, Dinheiro, Fé. 

 

Casa Ptah –

Pedra: Safira / Cristal Canalizador

Cor Azul: É refrescante, acalma, transmite uma sensação de paz. Sua ação é anti-vermelho. Atua principalmente no chakra frontal-azul (testa), aspecto Tradutor/transmissor. É a cor da estabilidade.

Eficiência na saúde: a Safira combate a confusão mental, a distração, negatividade, as fraudes, a depressão, falta de concentração, situações que fogem do controle, estresse, tensão, impurezas. Induz o sono. É anestésico e antisséptico. O azul baixa a pressão sanguínea, tem efeito relaxante.

Indicação energética: Força, Aperfeiçoamento, Clareza, Consciência, Excelência, Inteligência, Tranquilidade.

 

Olho Grego

 

Amuleto: Olho Grego

Cor Azul: A veloz frequência do azul, com sua alta energia, representa um padrão difícil de dissolver. Por isso o azul gera estabilidade, proteção e etc.

Eficiência na saúde: O olho grego é a representação do mundo interior e exterior. Seu formato redondo ajuda a manter as energias em circulação. O círculo capta todas as energias negativas e transforma em energias boas. Levando ao ambiente boa sorte, pureza de espírito, limpeza, saúde e luz.

Indicação energética: Clarividência, Energia Positiva, Estabilidade, Pureza, Proteção, Sorte, Paz.

 

Tarot

Casa Ka –

Ametista

Os cristais de Ametista já eram muito utilizados na Atlântida, onde eram ferramentas básicas em todas as áreas da sociedade, desde construções de casas até curas espirituais. A Ametista possui a vibração Violeta Luciferiana bruta. É a pedra da espiritualidade, da entrega e do desapego. Afasta a consciência de padrões e egocentrismo, mostrando que a humildade mental é a porta para o reino espiritual. Ótima para os desdobramentos de morte; elimina o medo, a ansiedade, o desgosto, a saudade. aversão, o ódio, o pânico, o desespero e a alucinação. Promovendo o desapego e a aceitação das perdas com transformação. Estimula ainda o discernimento, o sangue frio. a autodisciplina, o vôo do espírito, o poder verdadeiro e absoluto, a purificação e desenvolvimento espiritual, a paz e felicidade no casamento, a união de almas, a profecia e interpretação dos sonhos.

 

Pimenta

Essa planta, do gênero Capsicum, apareceu primeiro na América Central, na região do México, por volta de 7000 a.C. Logo chegou à América do Sul. Calcula-se que começou a ser cultivada há mais ou menos 5 mil anos, antes mesmo de povos como astecas, maias e incas, o que faz com que seja considerada a planta de cultivo mais antigo no continente americano. Foi usada como tempero, remédio e para conservar alimentos, e esses povos já a plantavam sabendo quais espécies usar para cada função. Ela começou a se espalhar pelo mundo a partir da chegada de Cristóvão Colombo, em 1492, que, ao procurar pimenta-do-reino – que é um grão preto também ardido originário da Ásia do gênero Piper –, encontrou as pimentas vermelhas, que logo começaram a ser comercializadas na Europa e na Ásia. Hoje, são cultivadas e consumidas em todo mundo. Há mais de 200 espécies registradas, e algumas das quais são misturas de espécies. Ao contrário do que diz o senso comum, nem todas elas são ardidas – existem as menos picantes e as que são consideradas doces. A substância que confere o ardor à pimenta chama-se capsaicina, que atua diretamente nas células nervosas da língua. Quanto maior sua concentração, maior a ardência. Existe até mesmo uma escala para medir o nível de pungência nas pimentas: a Escala Scoville. Mas, além desses usos culinários e medicinais, a pimenta tem vários significados místicos, espirituais e energéticos.

A pimenta simboliza a energia, a proteção, a prosperidade, a sorte, sensualidade e sexualidade, por ser de coloração forte, viva e possuir ardor incomparável, a pimenta muitas vezes está associada aos desejos carnais, uma vez que a expressão “picante” denota a paixão, magnetismo, prazer e a excitação. Muitas culturas utilizam a pimenta como amuleto da sorte, ou seja, retira a energia negativa com seu ardor e transforma em positiva com sua cor vermelha e brilhante, afasta os maus espíritos, o mau olhado e a inveja, seu poder simboliza o fogo. A pimenta malagueta (ou dedo de moça) serve para elevação, firmeza, força ,vitalidade, confiança. Bloqueia os efeitos negativos da fofoca, essa simbologia atribuída às pimentas não é à toa e pode ter relação com a sua capacidade de adormecer a língua e impedir que elas se mexam ao comê-la. Pés de pimentas plantados nas portas das casas simbolizam a proteção, a sorte e a prosperidade beneficiada pela presença da planta. Caso a planta morresse, acreditava-se que a energia estivesse muito carregada, tendo a pimenteira a característica de absorver o “olho gordo” e não deixar passar as más energias, de modo que o seu poder simboliza essa transformação.

 

Casa Hu –

Esmeralda

A esmeralda é, sem dúvida, uma das grandes pedras de poder, alinhando suas qualidades divinas às forças naturais. É considerada a própria cristalização do fogo cósmico no plano terrestre. É uma ponte entre o ser humano e as energias da natureza. Aumenta a percepção das faculdades psíquicas, revelando os mistérios do céu e da terra. Ajuda a desenvolver um belo e revitalizado corpo físico. Dá paz ao corpo e ao coração, propiciando a cura física, emocional e mental. Dá vida longa, aumenta a eloquência e a memória, reforça os laços matrimoniais contra a tentação e a sedução. Atrai amor, jovialidade, beleza, vitalidade, dinheiro e viagens. Atua sobre os problemas familiares, problemas com a imagem paterna, medos escondidos, temperamentos explosivos, exorcismos, esquizofrenia, o equilíbrio da personalidade e a melhora nos relacionamentos.

 

Trevo

O trevo simboliza a sorte, a abundância, a prosperidade, a fecundidade, o sucesso, a esperança, a fé. Para os cristãos, o trevo representa a “Santíssima Trindade”: o Pai, o filho e o Espírito Santo”. O trevo de três folhas é o tipo mais comum dessa planta. Simboliza aspectos mágicos advindos das lendas celtas uma vez que os antigos celtas reverenciavam o trevo e possuíam muitas crenças baseadas nas Tríades, como por exemplo: o presente, passado e futuro. Para os celtas, o trevo de três folhas está associado à Mãe Tríplice, que é representada pelas três fases da lua e simboliza as fases da vida da mulher: virgem, mãe e anciã.

O trevo de quatro folhas é pouco comum e o de cinco é ainda mais raramente encontrado, existe apenas 1 trevo de quatro folhas para 10.000 trevos de três folhas, ou seja, eles são muito raros e encontra-los não é uma tarefa fácil. O Trevo de Quatro Folhas simboliza, especialmente, a sorte. A cada folha é atribuído um significado: esperança, fé, amor e sorte.

Na Mitologia Celta, os Druidas, filósofos e conselheiros da sociedade, acreditavam que o trevo de quatro folhas simbolizava a boa fortuna, sucesso na vida e quem o possuísse passaria a ter a sorte dos deuses e os poderes da floresta.  Também sabe-se que os druidas, sacerdotes que desempenhavam grande influência sobre a sociedade celta, que ocupou parte do oeste da Europa a partir do segundo milênio antes de Cristo, acreditavam que os trevos de quatro folhas permitiam a visualização de fadas e demônios.

Há registros que a crença do trevo da sorte exista desde o Antigo Egito, uma vez que a planta era símbolo de Ísis, deusa da maternidade e fertilidade, usada para rituais de amor e sorte. Diz a lenda que, enquanto Adão e Eva estavam sendo expulsos para fora do Jardim do Éden, Eva arrancou um trevo de quatro folhas para carregá-la como um souvenir do Paraíso. O formato de “cruz” remete ao sagrado, significando unidade plena e equilíbrio. As quatro folhas também podem representar os ciclos, as quatro fases da lua, as quatro estações, os quatro pontos cardeais e os quatro elementos da natureza.

 

Casa Ra –

Cristal

O cristal de quartzo branco é a prova de que o plano material pode atingir um estado de perfeição física capaz de abrigar e refletir a pura luz branca do espírito. Representa a iluminação, a união com Deus, com a consciência cósmica, e sua expressão no plano material. Manifesta sua luz em pensamentos, emoções, sensações e ações. Recebe, ativa, guarda, amplifica e transmite todos os níveis de energia. Ativa todos os níveis de consciência. Abrange e interliga todas as dimensões, sendo utilizado, tanto na comunicação com o nosso ser superior, quanto no contato com espíritos guia e demais entidades dessas outras dimensões. Amplifica o efeito das demais pedras, além de substituí-las em suas funções.

 


Ferradura

A ferradura é feita a partir do ferro, o qual era considerado mágico por aguentar altas temperaturas e por ser mais resistente que outros metais. Além disso, o ferro era considerado capaz de espantar espíritos maus por civilizações antigas. O uso das ferraduras como talismãs protetores se originou na Europa, mais precisamente na Grécia Antiga. Para os gregos, o ferro era o mais poderoso dos elementos e os protegia de todo o mal e, por isso, a ferradura simbolizava um amuleto para atrair energia positiva e boa sorte.  Além disso, como seu formato lembra a Lua crescente, simboliza sobretudo a fertilidade e a prosperidade. Em todos os casos, a ferradura protege contra crises financeiras e ajuda quem precisa concretizar um negócio ou resolver assuntos relacionados a dinheiro. Representa o esforço e o trabalho, pois é um objeto usado por animais dedicados ao trabalho árduo, por isso, está relacionada à luta pela sobrevivência. As ferraduras contam com pequenos buracos, são os caminhos para a dimensão do mundo mineral, – Seus 7 Furos simbolizando o número sete, o torna um amuleto destinado a fé. A ferradura virada para baixo como amuleto afasta energias negativas, ferradura virada para cima simboliza proteção divina. Os agricultores colocavam as ferraduras acima das portas das casas, dos celeiros e dos estábulos para assim, afastar os maus espíritos.  A ferradura construiu sua fama de símbolo de sorte ao longo de muitos e muitos séculos, passando pelo Egito antigo e por Roma até chegar nos tempos atuais.

 

Casa Ptah –

Safira

A Safira é uma pedra serena, diminui as tensões e alinha os planos físico-mental-espiritual. Intuição iluminada, levanta o ânimo, melhora a comunicação, dissolve o estresse, expressão criativa, meditação. É recomendada para curadores e pessoas envolvidas com atividades mentais. A safira ajuda a contemplar a paz da existência, trazendo a serenidade, a quietude e a calma de um céu noturno. Restaura o equilíbrio perdido, promovendo um maior contato com a própria essência e compreensão do papel de cada um na vida. Estimula a meditação e a compreensão de oráculos obscuros. É a pedra da fidelidade e afeto, indicada para quem quer viver uma relação estável e duradoura. Funciona como a guardiã do amor promovendo a fidelidade e sintonizando os sentimentos entre os envolvidos.

 

Olho Grego

 

Na Grécia e em outros países na costa do Mediterrâneo, incluindo o norte da África, acredita-se que o azul espanta mal olhado. Por isso tantas pessoas usam colares, pulseiras ou amuletos azuis para proteção, como o olho grego. Além disso, o objeto faz referência ao olho de Deus. O olho grego simboliza a sorte, a energia positiva, a limpeza, a saúde, a luz, a paz, a proteção, olhar divino que protege as pessoas contra os males e a inveja.

O olho grego existe há muito tempo e era utilizado em rituais da religião islâmica. O símbolo também é muito encontrado em países árabes, como Irã e Armênia. O olho grego também é conhecido como olho turco ou nazar, porque também é bastante popular na Turquia e é usado com o mesmo propósito que o olho grego. É comum ver o olho grego pendurado em portas e em espelhos retrovisores dos carros. Algumas mães colocam esse amuleto na roupa dos bebês, e se o amuleto aparece rachado, significa que protegeu a criança do mau-olhado e deve ser substituído. No Antigo Egito e na Índia, o Olho de Hórus e o Terceiro Olho do Buda representavam objetos com a mesma função que o olho grego ou turco, a diferença é que o Olho Grego usa o azul como sua cor espiritual. Por vezes, o amuleto do olho grego é usado em conjunto com o amuleto vermelho em formato de pimenta(PTAH/KA), usado para afastar maus espíritos, contornar situações trevosas e dimensões infernais.

 

Escolha Pedras e Amuletos por Bob Navarro

Arte: Michelly Rocha

Ps: Após o encerramento mensal da série Casas EDL, será vendido na loja da escola o Tarot das Casas impresso com todas as cartas e manual de como jogar. Previsão final de 2022.

Lista das Cartas –

Tarot – Casas EDL

01-  Ascendente ✅

02- Os Chakras e as Cores ✅

03-  Totens ✅

04-  Armas ✅

05-  Os Elementos ✅

06- As Estações ✅

07-  Os Sentidos ✅

08-  Virtudes e Pecados ✅

09- Navegação ✅

10- Pedras e Amuletos ✅

11- Pets 

12-  Expansão Ritual

13- Vestes Ritual 

14-  Ferramentas Mágicas

15-  A Banda 

16-  As Deusas 

 

 

Veja também:

Casas EDL – Ascendente (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Os Chakras e as Cores (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Totens (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Armas (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Os Elementos (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – As Estações (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Os Sentidos (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Virtudes e Pecados (Ka, Hu, Ra, Ptah)

Casas EDL – Navegação (Ka, Hu, Ra, Ptah)

 

 

Façam o Provão EDL + Teste das Casas no final!!!

Seja membro: www.unebrasil.com.br

Sigam as redes sociais oficiais das Casas:

Instagram Casa Ka / Facebook Casa Ka

Instagram Casa Hu / Facebook Casa Hu

Instagram Casa Ra / Facebook Casa Ra

Instagram Casa Ptah / Facebook Casa Ptah

 

 

 

 

Portais

cristolucifer.com.br
escoladelucifer.com.br
unebrasil.com.br
unebrasil.org
unebrasil.net
congressoonline.org
querovencer.unebrasil.com.br

 


Luz p’ra nós!

 


Compartilhe a Verdade

7 thoughts on “Casas EDL – Pedras e Amuletos (Ka, Hu, Ra, Ptah)

  1. Tenho uma história muito legal sobre a ametista…
    Uma vez fui na liberdade aqui em SP, queria comprar um colar de cristal com uma pedra que estivesse conectada ao meu signo, vi um colar de ametista me encantei, mas perguntei a moça da banca se ela saberia informar qual seria a pedra do signo que é Peixes, ela falou:
    -Não sei dizer mas tem um papelzinho aqui de signos vamos ver. Dai ela falou:
    – você não vai acreditar, essa pedra que vc gostou antes é a pedra do seu signo, ai ela me mostrou no papel…enfim, comprei né… e ele me acompanha até hoje, as vezes tb deixo no meu altar.
    Sobre a pimenta sempre gostei, desde novinha como comida com pimenta.
    Sou da Casa Ka com muita honra.
    Luz p´ra

    1. Tenho uma história muito legal sobre a ametista…
      Uma vez fui na liberdade aqui em SP, queria comprar um colar de cristal com uma pedra que estivesse conectada ao meu signo, vi um colar de ametista me encantei, mas perguntei a moça da banca se ela saberia informar qual seria a pedra do signo que é Peixes, ela falou:
      -Não sei dizer mas tem um papelzinho aqui de signos vamos ver. Dai ela falou:
      – você não vai acreditar, essa pedra que vc gostou antes é a pedra do seu signo, ai ela me mostrou no papel…enfim, comprei né… e ele me acompanha até hoje, as vezes tb deixo no meu altar.
      Sobre a pimenta sempre gostei, desde novinha como comida com pimenta.
      Sou da Casa Ka com muita honra.
      Luz p´ra nós

Deixe uma resposta

Escola de Lucifer - Unebrasil | Newsphere by AF themes.